Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
 
Inserção Social

 

A inserção social do Programa de Pós-Graduação em Sociologia (PPGS) pode ser aferida pelas parcerias mantidas com setores estatais e da sociedade civil organizada por meio dos intercâmbios nacionais, realizados desde a criação do curso. Assim, a partir do processo de articulação interna dos grupos de pesquisas do PPGS, ampliou-se progressivamente a inserção do Programa em instituições acadêmicas, culturais, de planejamento e de execução de políticas públicas. Esse tipo de inserção foi viabilizada pela presença de professores em fóruns nacionais e internacionais e pelas relações em redes de cooperação acadêmica criadas e mantidas pelos docentes por meio de intercâmbios entre grupos de pesquisa com outros centros e universidades. Como exemplo das várias iniciativas, tem-se:

 

Parceria realizada entre o PPGS e a Coordenação dos Núcleos de Mediação Comunitária do Ministério Público do Estado do Ceará – MP-CE, com participação no Grupo de Mediação e Tratamento Adequado de Soluções de Conflitos (GEM-TASC). Trata-se de um grupo de estudos interdisciplinar vinculado ao Programa de Mediação Comunitária do Ministério Público do Estado do Ceará. O grupo tem a participação de profissionais do Ministério Público, mediadores comunitários, professores, psicólogos, advogados entre outros profissionais, estudantes e pesquisadores da temática. Trata-se de um trabalho voluntário relacionado à concepção de justiça restaurativa, propondo assim, uma mudança de paradigma na concepção de justiça punitiva. O trabalho de mediação de conflitos resultou do Programa de Justiça comunitária do Ministério Público do Estado do Ceará que tem como objetivo promover a pacificação social, o fortalecimento das bases comunitárias e a prevenção e solução de conflitos.

 

Ressalte-se a representação do PPGS, a partir de 2014, no grupo de pesquisa Tecnologias sociais, cultura e saúde, liderado pela Fundação Osvaldo Cruz do Rio de Janeiro. O grupo congrega pesquisadores de formação multidisciplinar e de diversas instituições, do Brasil e do exterior.

 

Enfatizamos, ainda, o crescimento considerável, em quantidade e qualidade, das publicações dos docentes e discentes em periódicos com Qualis na área da Sociologia e outras áreas correspondentes. Este crescimento deve-se, principalmente, às atividades de pesquisas realizadas pelos Laboratórios, Observatórios e Núcleos que agregam grupos de pesquisas do CNPq por meio da construção qualificada de parcerias e intercâmbios realizados em redes com outros centros de pesquisa local, nacional e internacional.

 

Destacam-se também os impactos sociais da Rede de Pesquisa Observatório das Nacionalidades na capacitação de pesquisadores: orientação de dissertações e monografias, além da aprovação de projetos que articulam graduação e pós-graduação da UECE com outras IES.

 

Todo esse esforço de inserção social exige uma troca com os saberes populares que estão organizados em associações, fóruns, entidades de classe e outras que integram os movimentos sociais em defesa da cidadania e dos direitos humanos. Uma experiência iniciada em 2015 é o Projeto Ceará Pacifico, de responsabilidade da Vice-governadoria do Ceará e que tem o objetivo de atuar na diminuição dos índices de violência a partir de ações concretas nos bairros de maiores índices de violência em Fortaleza. 

 

Serviços

Agenda - Agosto 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31 1

Programa de Pos-Graduacao em Sociologia - Av. Dr. Silas Munguba, 1700, Campus do Itaperi

Fone/Fax: +55 85-3101.9887

© 2011 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados