Secretarias e Órgãos
Telefones úteis
Redes Sociais

Calendário
Novembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2
Apresentação
Fundada em 2008, inicialmente com o nome de Secretaria de Ensino a Distância (SEAD), a Secretaria de Apoio às Tecnologias Educacionais (SATE) é o órgão da Universidade Estadual do Ceará (UECE), em parceria com a Universidade Aberta do Brasil (UAB), responsável por desenvolver a utilização das ferramentas de tecnologia da informação e da comunicação para a aquisição de conhecimento e desenvolvimento educacional na universidade, especialmente no que tange os cursos a distância.

A SATE tem contribuído, cotidianamente, para a democratização do acesso à educação, principalmente nos municípios do interior do estado, que não possuem campus universitário, permitindo que milhares de pessoas possam ingressar em cursos de graduação e pós-graduação.

O primeiro contato da UECE com a Educação à Distância, se deu ainda na segunda metade da década dos 1990, com ações vinculadas a cursos de Licenciatura gerenciados pelo Centro de Educação (CED) da Universidade. Em 2005, o Ministério da Educação cria a Universidade Aberta do Brasil, para fazer a articulação e integração experimental de um sistema nacional de Educação Superior no Brasil, formado por instituições públicas e capaz de levar ensino superior público de qualidade aos diversos municípios.

Com as novas mídias a serviço da educação, criaram-se novas formas de interação e comunicação entre educandos, educadores e o conhecimento, gerando, consequentemente, novos resultados na formação de cada estudante; a flexibilidade proporcionada pela utilização das Tecnologias da Informação e da Comunicação, potencializou condições para se democratizar a produção do conhecimento no país e ampliou o acesso à educação. É neste contexto, que a SATE desenvolve, cotidianamente, uma educação menos rígida e com conexões mais abertas.

Atualmente a SATE oferece dez cursos de Graduação e onze de Especialização, todos com a excelência de uma das mais renomadas universidades estaduais do norte e nordeste do Brasil.
No Brasil, as bases legais para a modalidade de educação a distância foram estabelecidas pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n.º 9.394, de 20 de dezembro de 1996) que foi regulamentada pelo Decreto n.º 5.622, publicado no D.O.U. de 20/12/05 (que revogou o Decreto n.º 2.494, de 10 de fevereiro de 1998, e o Decreto n.º 2.561, de 27 de abril de 1998) com normatização definida na Portaria MEC n.º 4.059/04 (que revogou a Portaria Ministerial n.º 301, de 07 de abril de 1998).

Em 3 de abril de 2001, a Resolução n.º 1, do Conselho Nacional de Educação estabeleceu as normas para a pós graduação lato e stricto sensu.

Regulamentação da EaD na UECE

Ofício do Ministério da Educação, Secretaria de Educação a Distância, Diretoria de Regulação e Supervisão em Educação a Distância, informando sobre o Recredenciamento da UECE para EaD



Regulamentação da EaD na UECE

Cria a Secretaria de Apoio às Tecnologias Educacionais - SATE




Gerenciar condições de uso das ferramentas tecnológicas para aquisição de conhecimento a partir de padrões de qualidade e excelência voltados para o benefício do ensino público, desenvolvendo institucionalmente o setor e o uso de tecnologias de informação e comunicação nas atividades educacionais da Universidade.

Contribuir para a democratização do conhecimento, buscando a formação e capacitação de discentes e docentes da UECE, utilizando TIC na graduação, pós-graduação, extensão e capacitação / formação de seu corpo de colaboradores (docentes e administrativos) e de seus alunos.
- Formar a comunidade de professores, alunos e funcionários técnicos administrativos da UECE para planejar, acompanhar, avaliar e aperfeiçoar sistematicamente as ações de utilização das TIC na instituição;

- Desenvolver pesquisas na área das TIC;

- Qualificar as TIC como possibilidade de atualização permanente que amplie a organização do trabalho na instituição, favorecido pelo acesso e pela universalização de informações relevantes à comunidade acadêmica;

- Produzir materiais pedagógicos para professores e alunos, como forma de subsidiar novas discussões e debates sobre a formação proposta em cada ação de utilização das TIC;

- Promover a disseminação de conhecimentos através de projetos colaborativos, considerando a riqueza e a diversidade cultural de cada curso;

- Promover o intercâmbio e a interação com diferentes áreas do conhecimento, instituições e sujeitos diferenciados;

- Desenvolver e ampliar o potencial da comunidade acadêmica da UECE em seu desempenho profissional, incentivando a autoformação permanente através das TIC;

- Envolver a comunidade da instituição no diálogo permanente com equipes de outras instituições, em espaços comuns de intercâmbio, com grupos de estudos, cursos de formação e outros eventos;

- Integrar atividades de ensino, pesquisa e extensão através de espaços virtuais (fóruns, chats, correio eletrônico, links, etc.);

- Estimular atividades utilizando TIC nos vários cursos de graduação, extenção e pós-graduação, fornecendo informações e promovendo intercâmbio por meio de projetos específicos, eventos sobre formação e desenvolvimento profissional;

- Gerar informações e indicadores para a elaboração de atividades que desenvolvam capacidades técnico-pedagógicas nos profissionais da educação;

- Gerar mecanismos de acompanhamento e avaliação sistemáticas como resultado da interatividade produzida, analisando alternativas e/ou possibilidades de formação utilizando as TIC na graduação, extensão e pós-graduação.